Bruno Nogueira vai andar pelo país a fazer stand-up, dez anos depois

2018-11-08

Bruno Nogueira vai andar pelo país a fazer stand-up, dez anos depois

Está oficialmente confirmado: o humorista português Bruno Nogueira vai voltar aos espetáculos de stand-up comedy (espécie de monólogos humorísticos apresentados ao vivo), dez anos depois de ter abandonado o formato que experimentou, por exemplo, no programa “Levanta-te e Ri”. O espetáculo de Bruno Nogueira vai chamar-se “Depois do Medo”. Há já mais de 20 atuações agendadas, de norte a sul de Portugal continental e também nos açores.

A digressão de stand-up do humorista começará a sul, no Teatro das Figuras, de Faro, já no final deste mês (29 de novembro). Até pelo menos ao início de abril, Bruno Nogueira vai viajar pelo país, apresentando “Depois do Medo” em locais como Aveiro, Guimarães, Lamego, Coimbra, Torres Vedras, Leiria, Póvoa do Varzim, Portalegre, Mangualde, Seia, Évora, Matosinhos, Lagos, Santarém, Barreiro, Santa Maria da Feira, Vila Real, Figueira da Foz, Porto, Braga, Viseu e Madeiro.

Não há ainda espetáculos agendados na Madeira, mas há já duas atuações confirmadas no arquipélago dos Açores, na Terceira (11 de janeiro) e em Ponta Delgada, São Miguel (12 de janeiro). A produtora de espetáculos Força de Produção, também responsável por agenciamento de artistas, promete “mais datas a anunciar brevemente”. Pode conferir quais os espetáculos já confirmados no final deste artigo.

Em entrevista recente ao Observador, Bruno Nogueira dava conta de que se encontrava a “testar material para stand-up” e explicou o afastamento com este género da comédia, nos últimos anos: “Depois do ‘Levanta-te e Ri’ havia muito stand-up, comecei a experimentar outras coisas, desinteressei-me um bocadinho do stand-up, enquanto espectador continuei a achar piada, mas não sentia vontade de fazer. Agora surge-me outra vez a vontade de fazer e de estar sozinho em palco a poder dizer coisas minhas. Vem só dessa vontade, que só surgiu agora.”

No princípio havia uma grande confusão sobre o que era stand-up. Eram anedotas? Estava tudo a aparecer e havia muita gente a experimentar e eu na realidade assustei-me um bocadinho com aquilo tudo. E como tive sempre vontade de experimentar várias coisas, achei que era uma boa altura, quando aquilo estava muito povoado, de ir experimentar outras coisas e voltar quando estivesse mais calmo. Deveu-se a isso, era muito ruído, estava a acontecer muita coisa, e como eu tinha outros interesses, a paixão pelo stand-up na altura não era forte o suficiente para largar tudo e aproveitar só aquilo”, explicava.

Nos últimos anos, Bruno Nogueira tem-se dedicado à representação e à criação de programas e espetáculos musicais. Entrou, por exemplo, na peça “Atores” e na série “Sara”, de Marco Martins, mas criou também o falso reality show “Último a Sair”, a série “Odisseia”, o espetáculo humorístico e musical “Deixem o Pimba em Paz” (com Manuela Azevedo, dos Clã, Nuno Rafael, Filipe Melo e Nélson Cascais) e o programa “Som de Cristal”, dedicado ao acompanhamento das digressões e dia-a-dia dos cantores pimba portugueses. A presença na rádio mantém-se com o programa “Mata-Bicho”, na Antena 3, e para a televisão pública iniciou em 2017 um programa de conversas com Miguel Esteves Cardoso e um convidado sempre rotativo, intitulado “Fugiram de Casa dos Seus Pais”.

2 Fevereiro 
Casa da Cultura, Seia

30 Março 
Teatro Viriato, Viseu

(Observador)