Lares de Tondela com poucos profissionais de saúde devido à covid

2021-01-21

Lares de Tondela com poucos profissionais de saúde devido à covid

De acordo com a autarquia, "esta foi a grande preocupação levada à reunião da Comissão Restrita de Proteção Civil de Tondela", realizada na quarta-feira, com a presença de responsáveis da Proteção Civil Municipal, da Autoridade de Saúde Local, do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Dão Lafões, dos serviços regionais de Segurança Social e da entidade gestora da Estrutura Residencial para Idosos.

Na reunião, que teve como objetivo delinear estratégias para os lares de idosos, foi abordado o problema de "carência de recursos humanos" motivado pelo facto de "muitos dos seus funcionários acabarem por testar positivo".

"A Segurança Social tem procurado encontrar respostas junto das brigadas da Cruz Vermelha, que têm sido um bom reforço local", refere a edilidade.

No entanto, "a preocupação aumenta em relação aos profissionais de saúde (médicos e enfermeiros) que são, face ao número de utentes infetados, manifestamente insuficientes ou mesmo inexistentes", acrescenta um comunicado da autarquia.

A Câmara defende que, para além de o ACES Dão Lafões "utilizar algumas das suas equipas das unidades de saúde locais para tentar acompanhar pontualmente os lares e de um reforço das iniciativas para contratação de enfermeiros", estas estruturas residenciais devem reforçar "os seus corpos clínicos, tal como está desenhado na estratégia do plano de contingência".