Castro Daire no coração para promover a retoma da economia

2020-07-01

Castro Daire no coração para promover  a retoma da economia

Lúcia Simões, mentora do projeto disse à lusa que “são pequenos negócios que já sobrevivem em condições normais. Em condições excecionais como estas, correm sérios riscos de ficarem descapitalizados”.  Lúcia Simões frisou que o fim desses negócios teria “um impacto brutal numa comunidade tão pequena”.

Conhecendo a realidade de Castro Daire, a empresária tinha a noção de que a maioria das pessoas que está à frente destes negócios “não tem a experiência do ‘online’, nem está habituada a encontrar estratégias”.

“No fundo, estavam habituadas a ter uma porta aberta e a haver circulação de pessoas, coisa que deixou de acontecer com a covid-19”, contou, lembrando que “não tiveram faturação durante três meses e a retoma está a ser muito lenta”.

Nesse âmbito, foram “entrevistar as pessoas usando práticas de psicologia positiva”, fazendo perguntas que “muitas vezes levaram ao choro e ao riso”, em depoimentos emocionados.

Durante nove semanas, em www.castrodairenocoracao.pt vão ser publicadas as mais de 90 reportagens resultantes de entrevistas feitas no mês passado a comerciantes, artesãos, responsáveis de alojamento local, de turismo rural, da restauração e de serviços de interesse turístico.

O 'site' tem ainda uma montra representativa dos produtos que podem ser encontrados no concelho, havendo a possibilidade de fazer a compra 'online'.