Amigos do Hospital Tondela Viseu entregam medicamentos a imunodeprimidos

2020-04-03

Amigos do Hospital Tondela Viseu entregam medicamentos a imunodeprimidos

 O presidente do Centro Hospitalar  diz que “são doentes de risco, imunodeprimidos. Têm entre 20 e 80 anos e não têm defesas no organismo. Por norma, a farmácia hospitalar fornece os medicamentos para o controlo quotidiano da doença e, neste momento, não devem ir ao hospital, por ordem médica, sob pena de ficarem piores”, justificou Fernando Bexiga.

O responsável disse que, perante a pandemia, ofereceram “disponibilidade à administração do centro hospitalar e eles solicitaram este serviço”, uma vez que “tinham dificuldade em fazer chegar os medicamentos a determinados doentes”.

“É difícil dizer a quantos doentes é que estamos a fazer entrega de medicamentos, mas são mais de uns 20 por dia e só começamos as entregas a partir das 14:30 e vamos até à noite e, infelizmente, nem sempre conseguimos entregar todos os medicamentos, é muito difícil”, admitiu.

A dificuldade é provocada pela distância percorrida entre as residências e “os milhares de quilómetros em poucos dias” confirmam que “tanto se vai à Serra de São Macário como se atravessa para o outro lado do concelho e a seguir se vai a Gouveia e depois a Penalva do Castelo”.