Viseu: Médicos internos denunciam “assédio moral” no Hospital de Viseu

2020-03-06

Viseu: Médicos internos denunciam “assédio moral” no Hospital de Viseu


Mais de 40 médicos de medicina interna do Centro Hospitalar Tondela Viseu fizeram uma denúncia à Ordem de “assédio moral” pela superior hierárquica do serviço, com “situações graves e muito graves”.

O bastonário diz ter ouvido casos preocupantes que interferem com questões éticas e que também, eventualmente, com boas práticas. Miguel Guimarães disse que a ordem tem de avaliar essas questões de forma mais profunda, mas que a diretora clínica terá todo o interesse em resolver esta situação. Aliás, de acordo com o responsável, já o devia ter feito.

O bastonário  falava aos jornalistas no final de mais de duas horas de reunião, com os médicos do serviço de medicina interna do Centro hospitalar Tondela Viseu, que denunciaram a situação.

Presente na reunião estiveram também os presidentes do Sindicato Independente dos Médicos, José Carlos Almeida, e do Sindicato dos Médicos da Zona Centro, Noel Carrilho, que no final da reunião contaram que “a situação se arrasta há meses” e já provocou baixas.