Melhor alojamento de Praças para Centro de Tropas de Operações Especiais de Lamego

2020-01-28

 Melhor alojamento de Praças para Centro de Tropas de Operações Especiais de Lamego

“É geral no Exército. Faltam praças para as várias especialidades de apoio de serviços à unidade”, disse aos jornalistas Raul Matias, no final de uma visita do ministro da Defesa Nacional,  ao CTOE de Lamego.

Segundo o comandante, o CTOE vai lidando com essa situação “com muitas dificuldades”, tentando encontrar soluções para uma realidade diferente da que havia “há muitos anos, em que os praças cumpriam a sua função nos vários cargos”.

Gomes Cravinho iniciou hoje o segundo dia do primeiro Roteiro de Defesa Nacional com uma visita ao CTOE, que forma militares na área das Operações Especiais e apronta a Força de Operações Especiais.

Em Lamego, estão 260 militares, distribuídos por três aquartelamentos, um número que, segundo Raul Matias, “é suficiente para o cumprimento das missões”.

O ministro congratulou-se com a realização das obras na área habitacional dos praças, “muito confortável, muito agradável, com tudo aquilo que se pretende para jovens do século XXI”. O numero de camas  vai ser alargado para 96, segundo o ministro, em declarações aos jornalistas.

Já o presidente da Câmara de Lamego,  lembrou que “esta unidade está umbilicalmente ligada à cidade e à região”, fazendo parte da sua história.

De acordo com Ângelo Moura, é essencial para o município e para a região a continuação desta unidade que, para além desta afirmação histórica, tem esta ligação muito afetuosa que todos podem sentir pelos quatro cantos do mundo.

 

(Lusa)