Festas da Mata com dia dedicado aos emigrantes em Tondela

2019-07-15

Festas da Mata com dia dedicado aos emigrantes em Tondela

Durante a conferência de imprensa de apresentação, no Parque Urbano de Tondela, o vereador da Cultura da Câmara Municipal de Tondela, apontou a importância de se criar um dia específico para dedicar à comunidade emigrante.

Para Miguel Torres, esta é uma forma de criar condições para ouvir essa comunidade e partilhar oportunidades de regresso”, justificou.
Assim, no dia 11 de agosto terá lugar uma cerimónia evocativa dos 25 anos da Estátua do Emigrante, estando reservado para essa tarde o I Festival de Folclore de Tondela, no Parque Urbano.Irão atuar o Rancho Folclórico Os Velhos Costumes de Molelos, Rancho Folclórico As Capuchas São João do Monte, Rancho Folclórico da Boa União, Rancho Infantil de Castelões e Rancho Folclórico de Parada de Gonta. Para  a noite estão previstas as atuações do Grupo de bombos Karma Drums e da banda Chave D'ouro.

Já o presidente da União de Freguesias Tondela e Nandufe, Francisco Coutinho, recordou que as Festas da Mata começaram nos anos 30 do século XX, sendo interrompidas nos princípios dos anos 90. Passados 25 anos foram retomadas, sendo este o segundo ano em que são reeditadas. 

Sobre a programação dos restantes dias das Festas da Mata, o presidente da Comissão de Festas, Teixeira de Matos, informou que será privilegiada “a música para dançar”.

Assim, sobem ao palco Simone, Orquestra Casinu’s, Golden Orquestra, Smooth Orquestra, Mar &Samba e Canal 18.

Sobre o espaco, referiu que vai manter o artesanato, doceiras e a quermesse, sendo este ano introduzida uma barraquinha de caldo verde

 

 

(CMT)