Morreu a cantora e compositora Dina

2019-04-12

Morreu a cantora e compositora Dina

Recorde-se que a cantora que representou Portugal na Eurovisão lutava, desde 2006, contra uma fibrose pulmonar. Dina morreu esta quinta-feira à noite no Hospital Pulido Valente, em Lisboa. 

Conhecida por Dina, Ondina Maria Farias Veloso nasceu a 18 de junho de 1956, em Carregal do Sal, Viseu. E foi precisamente na terra natal onde, pela primeira vez, teve o primeiro contacto com a música. 

Depois de participar em algumas peças de teatro na adolescência, começou a compor e em 1975 integrou a formação do grupo "Quinteto Angola", onde deu voz às suas músicas. 

Foi mais tarde, em março de 1980, que Dina chegou ao pequeno ecrã e ficaria para sempre timbrada na memória dos portugueses ao participar no XVII Festival RTP da Canção. Apresentou, na altura, o tema da sua autoria "Guardado em Mim". 

Já a música que marcou várias gerações, "Há sempre música entre nós", foi lançada em 1981. Concorreu ao Festival RTP da Canção de 1982 com as canções "Em Segredo" e "Gosto do Teu Gosto", conseguindo alcançar o 6.º lugar. 

E foi em 1992 que venceu o Festival RTP da Canção com o tema "Amor de Água Fresca", editado em 1988. 

Ficou ainda celebrizada por ter composto bandas sonoras de novelas como "Vila Faia", "Filha do Mar" e "Sonhos Traídos". 

A Câmara Municipal de Carregal do Sal, na sua reunião ordinária realizada hoje, deliberou por unanimidade registar em ata um Voto Sentido de Pesar pelo falecimento da conterrânea Dina Veloso.

Mais deliberou transmitir este Voto de Pesar e de Solidariedade à família enlutada.

(CMCS)