Cinfães: Centenas de pneus largados perto do Rio Paiva, em Souselo

2018-01-09

Cinfães: Centenas de pneus largados perto do Rio Paiva, em Souselo

São muitos os pneus que se amontoam perto das margens do Rio Paiva, na freguesia de Souselo, em Cinfães, Viseu – uns à vista de quem passa na estrada onde foram ilegalmente depositados e outros escondidos na vegetação que esconde o rio. Estima-se que sejam perto de 200 os pneus largados naquele local, onde situações como esta “são já recorrentes”. Quem o diz é Sérgio Caetano, presidente da associação ambiental S.O.S. Paiva, que já encaminhou uma queixa para a GNR de Viseu e para o SEPNA (Serviço de Protecção da Natureza da GNR). A associação, que actua nos dez municípios por onde passa o Rio Paiva, soube do incidente através do alerta “de alguns cidadãos”.
A identidade dos autores do crime ambiental é, para já, desconhecida, mas Sérgio Caetano presume que os pneus tenham sido despejados no local “no final de Dezembro passado”.

Também a Junta de Freguesia de Souselo foi alertada, e o presidente José Mourisco indica  que, esta sexta-feira, já se procedeu à limpeza da área. Tal como Sérgio Caetano, o autarca conta que “muitos objectos e materiais são largados” naquela estrada, “entre o Paiva e terrenos particulares”. “Já se viram lá colchões, electrodomésticos”, aponta. O presidente do S.O.S. Paiva acrescenta que “a falta de sensibilidade dos cidadãos contribui para a poluição no rio”, e naquele local também foram largadas, recentemente, “imensas caixas de esferovite”.

Em Souselo, existe uma campanha de recolha que visa diminuir a poluição nas estradas e margens do Paiva, e “há dois anos foi realizada uma limpeza das galerias ripícolas [vegetação associada às margens dos cursos de água]”, assegura José Mourisco.
A Associação S.O.S Paiva, em actividade desde 1999, refere, em nota de imprensa, que, anteriormente, “recolheu vários sacos de lixo, próximos deste local, resultante da prática de campismo selvagem no Verão” e que “nas margens também é frequente encontrar caixas de peixe e entulho proveniente de obras”. A associação ambiental tem promovido a iniciativa “Vamos Limpar o Rio Paiva” no final da época balnear, “que resulta na recolha de uma média de 400 quilos de resíduos das margens do rio”. 

(Público)